Últimas notícias da VTM

Nova-2Bimagem

Botox- um medicamento útil no tratamento da Enxaqueca.

Poucos sabem, mas a toxina botulínica tipo A cuja marca mais conhecida é o Botox antes de ser utilizada pela dermatologia e estética fora inicialmente utilizada no tratamento de algumas doenças neurológicas como na Paralisia Facial, Rigidez muscular frequentemente encontrados em pacientes com sequela de AVC. Atualmente, o Botox vem trazendo resultados satisfatórios, tanto na redução da frequência quanto na intensidade das crises de uma doença neurológica muito prevalente – a Enxaqueca.
Quais são os sintomas de enxaqueca?

     A enxaqueca ou migrânia é um dos tipos de cefaléia (dor de cabeça) primária, ou seja, não provocada por outra doença como tumor, infecções, trauma. Ela é caracterizada por uma dor pulsátil em um dos lados da cabeça (às vezes dos dois), geralmente acompanhada de fotofobia (restrição a luz) e fonofobia (restrição ao barulho), náusea e vômito. A duração da crise varia de quatro a 72 horas, podendo ser mais curta em crianças. Segundo o Ministério da Saúde, de 5 a 25% das mulheres e 2 a 10% dos homens tem enxaqueca. A enxaqueca é predominante em pessoas com idades entre 25 e 45 anos, sendo que após os 50 anos essa porcentagem tende a diminuir, principalmente em mulheres.
     A enxaqueca crônica se caracteriza por cefaléia em 15 ou mais dias do mês, sendo oito dias com crises típicas de enxaqueca, por mais de três meses, na ausência de abuso de medicamentos.
Quem pode usufruir da toxina botulínica do tipo A?

     Você poderá fazer uso da toxina botulínica tipo A, se você tiver enxaqueca crônica (ou seja, você tem dores de cabeça no mínimo 15 dias por mês) e você já tentou, pelo menos, três diferentes tratamentos de drogas para evitar suas crises de enxaqueca sem resultado.
Como é o tratamento?

    

    O tratamento consiste em aplicações do medicamento em determinados músculos da cabeça e pescoço. Mesmo não tendo um mecanismo conhecido, a toxina botulínica tem seu efeito benéfico comprovado no tratamento da enxaqueca refratária, diminuindo a frequencia das dores e do uso de analgésicos.
    Seu efeito dura entre 3 a 4 meses. Apesar de ser pouco duradouro, o efeito ainda é considerado satisfatório e uma solução paliativa para quem possui dores crônicas, além de não produzir efeitos colaterais significantes.
Além disso, acredita-se que a toxina age não só na musculatura (relaxando-a), mas também no mecanismo central da dor.
O tratamento deve ser interrompido se:

    

     O número de dias que você tem uma dor de cabeça não reduziu em pelo menos 30% depois de dois cursos de toxina botulínica do tipo A.
Meu plano de saúde cobre este tipo de tratamento?

      

     O tratamento consta na lista de procedimentos da Agência Nacional de Saúde, por isso, os planos ou operadoras de saúde, em cumprimento a uma portaria do Ministério da Saúde, oferecem cobertura.
     Para ter acesso ao medicamento, via plano de saúde, o paciente, seja criança ou adulto, precisa ser avaliado por um médico que tenha conhecimento sobre a medicação, a técnica de aplicação e as doenças que podem ser beneficiadas com o tratamento. Cabe ao médico elaborar um relatório clínico indicando a importância desta terapêutica e solicitar à operadora de saúde a liberação da medicação.
 
Para saber mais sobre esse tratamento, acesse nosso site: http://www.vtmneurodiagnostico.com.br
Fonte: Ministerio da Saúde
VTM_assinatura_post (2)
Compartilhe este post:Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Email this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *