TERAPIAS E ESTIMULAÇÃO CEREBRAL: Pós-operatório e AVC

Áreas do Cérebro (adaptado de Smaers et al., 2017)
Terapias de Estimulação Cerebral: Reabilitação em Pós-operatório ou Pós-AVC
VTM Neurodiagnóstico: Diagnóstico e Tratamento em Neurologia e Psiquiatria

Brain stimulation therapies são estratégias não-farmacológicas de aumentar a capacidade cerebral para recuperação de sentidos, cognição e movimentação. Por exemplo, a estimulação por corrente contínua (ETCC) têm sido empregada para reduzir os déficits cognitivos e diminuir os prejuízos funcionais de pessoas que tiveram acidente vascular cerebral (AVC) ou em reabilitação pós-cirúrgica.

Diversos ensaios clínicos monstram benefícios relevantes entre a associação da estimulação cerebral não-invasiva com outras terapias adjuvantes sistematizadas, como fisioterapia, terapia ocupacional e fonoaudiologia.

Assim como a combinação do ETCC com a técnica de espelhamento é capaz de modular a aumentar a velocidade de recuperação através da melhora da atividade cortical e induz mecanismos de neuroplasticidade.

Nesta perspectiva, o profissional e o paciente precisam estar atentos com três principais fatores da ETCC: a) propriedades técnicas; b) aplicação terapêutica; c) segurança e viabilidade.

#avc #estimulacaocerebral #etcc #tdcs #vtmneurodiagnostico #reabilitacao #cirurgia #dorcronica #sensibilidade #coordenacao #fisioterapia #fonoaudiologia #terapiaocupacional

Deixe uma resposta