Últimas notícias da VTM

cérebro ouvindo música

5 benefícios que a música pode trazer ao seu cérebro

Sim, apertar o play pode trazer efeitos bastante positivos à sua saúde, mente e corpo. Descubra!  

Você sabia que alguns sons, quando bem selecionados, liberam endorfina, analgésico natural do organismo? Pois é, a música pode causar efeitos importantes ao nosso cérebro, influenciando até mesmo alguns hábitos de consumo e a forma como percebemos o passar do tempo.

Abaixo, confira outros benefícios que aquela sua playlist favorita pode proporcionar ao seu cérebro!

Muda a percepção do tempo

Já percebeu aquela música ao fundo enquanto está em uma loja ou no shopping? Ela está ali para que você se sinta menos apressado enquanto está comprando.

Nesses casos, o que acontece é que a música serve para desviar sua atenção. Como o cérebro humano possui uma capacidade limitada de receber informações, é provável que você acabe prestando mais atenção à música do que ao passar do tempo no relógio.

Aumenta a produtividade

Além de reduzir o ruído ambiente, muitos estudos mostram que ouvir música antes de realizar uma série de exercícios mentais pode sim deixá-lo mais alerta e entusiasmado, melhorando o seu desempenho e produtividade.

Mas, atenção, é importante não se envolver demais com a trilha sonora, apenas relaxar com ela. Por isso, escolha um repertório que já conheça. Uma nova música exige mais atenção do cérebro e pode te distrair do foco principal!

Alivia a ansiedade

Determinadas melodias podem ajudar a tirar o foco de um problema, já que acionam neurotransmissores ligados ao prazer, como a endorfina, nosso analgésico natural.

Fortalece a memória

A música ativa diversas regiões do cérebro, como o hipotálamo, que regula a temperatura, o apetite e o estado de ânimo, o tálamo, que interpreta os sentidos, e o hipocampo, que guarda a memória. Ainda atua nos lóbulos parietal, temporal e frontal, estimulando as nossas funções cognitivas.

Promove autoconhecimento

Pesquisas sugerem que músicas tristes podem induzir emoções positivas. Isso porque, quando as pessoas ouvem canções melancólicas, sentem mais empatia ao se identificarem com a tristeza expressada pelo artista. Esse efeito pode ser catártico, segundo os especialistas.

Melhora o desempenho físico

Uma música cheia de energia pode ajudar a melhorar o desempenho físico de atletas, que conseguem reduzir o consumo de oxigênio e concluir corridas em menos tempo. Isso porque, eles passam a não se preocupar tanto com as dores que sentem nas pernas ou com quantos quilômetros ainda precisam correr.

Compartilhe este post:Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Email this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *