3 dicas para Saúde Mental no Mal de Parkinson

O Mal de Parkinson é uma doença degenerativa, conhecida por prejudicar os movimentos e o equilíbrio. Ela afeta o sistema nervoso central e pode acontecer em qualquer fase da vida, mas é mais recorrente em idosos. Os sintomas surgem de forma progressiva e costumam ser os tremores nas mãos e os movimentos mais lentos. Outros sintomas que podem se manifestar é a rigidez muscular, instabilidade postural, comprometimentos na fala, no sono, dores, entre outros. Quanto mais cedo for o diagnóstico, melhor. Não existe cura para a doença, mas há tratamentos que retardam seu avanço e dos sintomas, possibilitando uma vida de qualidade, por muitos anos. Trouxemos algumas dicas que podem ajudar os portadores dessa doença a lidar com ela da melhor forma possível.

1- Realizar atividades físicas: a musculação, por exemplo, fortalece a musculatura e promove equilíbrio e postura. Atividades aeróbicas, como caminhadas, podem ajudar a amenizar dores. Com isso, os exercícios físicos promovem a flexibilidade muscular, o que é muito positivo para a pessoa com Parkison.

2- Mantenha a vida social ativa: o paciente com Parkison pode desenvolver a depressão como sintoma. Com isso, uma forma de evitar isso e promover qualidade de vida e bem estar é a presença da família e amigos no dia a dia da pessoa, estimulando sua participação nos eventos, dando suporte emocional e também auxiliando nas necessidades.

3- Utilização de produtos facilitadores e adaptados: existem alguns objetos como talheres, pratos, copos, abridores e até objetos para abrir e fechar zíperes e botões. Esses produtos foram elaborados para facilitar a realização das tarefas do dia a dia, promovendo uma maior autonomia e reduzindo as limitações dos pacientes com Parkison.

Dessa forma, podemos perceber que há inúmeras formas de proporcionar uma vida mais independente e de qualidade aos portadores com Parkison. O tratamento envolve desde o uso de medicamentos próprios para doença, como realização de fisioterapia, psicoterapia e tratamentos para estímulo cerebral, com estimulação por corrente contínua ou estimulação magnética transcraniana. Quanto mais cedo modificar hábitos, melhores os resultados!

#maldeparkinson #vtmneurodiagnostico #bemestar #saúde #tratamento #neurologia #psiquiatria #fisioterapia #psicologia #coronavirus #covid19

Deixe uma resposta