Psicologia: Ciência Natural, Exata ou Social?

A Psicologia abarca as três dimensões das Ciências. Oficialmente, para o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) a caracterização dessa disciplina é como Ciência Social o que advém do fato da Psicologia estudar o ser humano como um ser social o que cria relação com outras Ciências Humanas. Porém, segundo Bunge e Ardilla (2002) existe uma relação complementar da Psicologia como Ciência Natural. Os autores também compreendem a Psicologia como uma Ciência Natural por investigar o comportamento dos pacientes e a relação com o meio. Mariguela (1995) também a mostra como parte das Ciências Exatas, em razão da Psicologia ter uma face com análises quantitativas, como por exemplo análises estatísticas e inteligência artificial sobre frequências e interações entre estímulos, comportamentos e ambientes. Para VTM Neurodiagnóstico, a psicologia é tratada através das três dimensões que atuam de maneira integrada, uma vez que lidamos com seres humanos e suas subjetividades. Psicoterapias associadas com mudanças de comportamento mostram eficácia na análise da relação estímulo, comportamento-resposta e efeito. Verificar a frequência que ocorrem ações e emoções associadas com situações específicas podem auxiliar na criação de metas, assim como no planejamento das sessões, uma vez que o uso de neurobiofeedback para detectar respostas à situações traz análises quantitativas sobre ações, reações fisiológicas e pode auxiliar na terapia para neuromodulação autorregulatória.

#psicologia #saúdemental #ciêncianatural #ciênciasocial #ciênciaexata #terapiacomportamental #análisesubjetiva #neurofeedback

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta